Theatro São Pedro - Porto Alegre

Show do Grupo Canto Livre encerra a programação de 2018 do Festival de Primavera Vivar no Multipalco Eva Sopher neste domingo

Evento com entrada franca promove atividades na concha acústica do Theatro São Pedro

O Festival de Primavera Vivar, que ocorre no Multipalco Eva Sopher do Theatro São Pedro, recebe neste domingo, 16 de dezembro, o Grupo Canto Livre, que apresenta show com um repertório regionalista e urbano que marcou a música gaúcha nos anos 1980, além de composições inéditas.

O grupo é até hoje lembrado como sendo um dos maiores nomes no cenário musical gaúcho da época. Os primeiros anos de trabalho foram registrados nos LP’s “Canto Livre” e “Comunicação”, marcados principalmente pelos vocais elaborados e elementos dos estilos pop e regionais.

Em 2002, Sérgio Napp, seu mais importante incentivador e letrista, lançou o CD “Nos Palcos da Vida”, registrando diversas parcerias com os compositores do grupo. Este evento reuniu, mais uma vez, os antigos companheiros e, desde então, o Canto Livre está de volta.

O show tem início às 19h, com entrada franca. O Festival Primavera Vivar promoveu ao longo de três meses shows de Os Fagundes, Orquestra Eintracht, 50 Tons de Pretas, além de apresentação do espetáculo “Assobia e Chupa Cana”, e atividades da 2ª Mostra de Teatro de Bonecos.

O Festival tem patrocínio da Vivar e realização do Multipalco Eva Sopher, Associação Amigos do Theatro São Pedro, Theatro São Pedro e Governo do Estado do Rio Grande do Sul. Para mais informações, acesse:http://www.teatrosaopedro.com.br/multipalco/

Grupo Canto Livre

Ao vencer a Vindima da Canção, de Flores da Cunha, em 1981, o Canto Livre foi oficialmente apresentado, defendendo a música que deu nome ao grupo, com letra de Sergio Napp. O grupo consagrou um estilo, calcado nas harmonias vocais, que, no Rio Grande do Sul, era explorado apenas no regionalismo, por formações como o Conjunto Farroupilha e o Caverá. Nacionalmente, as referências nessa seara são, entre outros, MPB 4, Quarteto em Cy, Boca Livre e Garganta Profunda. O grupo gravou dois LPs, Canto Livre (1982) e Comunicação (1984).

Ficha Técnica

Calique Ludwig – direção musical, arranjos vocais, voz e violão

Flávio Englert – teclado e voz

Jairo Kobe – voz e percussão

Pedro Guisso – voz, violão, harmônicas e percussão

Carmen Nogueira – voz

Maria do Carmo Torri Dischinger – voz

Selma Martins – voz e percussão

Vânia Mallmann – voz e percussão