Theatro São Pedro - Porto Alegre

Quatricelli é destaque do Musical Évora

O quarteto de violoncelos Quatricelli é o destaque do Musical Évora da próxima quarta-feira, dia 1° de julho. A apresentação faz parte da programação do 17° Encontro de Violoncelos do RS e ocorre a partir das 12h30, no Foyer Nobre do Theatro São Pedro. A entrada é franca.

O Quatricelli é formado por Milene Aliverti, Bianca Prado, Mônica Lima e Carla Pacheco. As musicistas resolveram montar o quarteto de violoncelos exclusivamente feminino por sentir a necessidade de fazer música de uma maneira mais fina e sensível. Em comum, todas têm a paixão pelo violoncelo e a atuação na pedagogia do instrumento.

No programa, um repertório diferente, com obras escritas para esta formação, sem nenhum arranjo, trazendo ao público alguns compositores pouco conhecidos, como o mexicano Samuel Maynez, os compositores alemães Klengel e Werner, o britânico Theodore Hollande e o brasileiro Villani Cortes.

O Musical Évora é uma realização da Associação Amigos do Theatro São Pedro, com patrocínio da Évora Holding S.A.

Sobre o Quarteto

O Quatricelli teve sua estreia no XIV Encontro de Violoncelos do Rio Grande do Sul, no ano de 2012, obtendo do público uma aceitação imediata e o amplo reconhecimento de um trabalho sério apesar de leve e envolvente. Desde então, tem ampliado seu repertório com composições de todos os períodos da história da música, dando especial atenção aos compositores violoncelistas, muitas vezes desconhecidos do grande público, sem esquecer da riquíssima música latino americana, oportunizando desta forma uma experiência musical inédita e inesquecível a quem assiste.

Bianca D`Avila do Prado é bacharel em Música pela Universidade Federal de Santa Maria. Atuou como violoncelista da Orquestra Sinfônica de Santa Maria entre 2003 e 2007 e da Orquestra Filarmônica da PUCRS entre 2006 e 2011. Desde de 2012 vem capacitando-se continuamente como professora de violoncelo pelo Método Suzuki sob a orientação dos professores Shinobu Saito (Brasil), Eduardo Ludueña (Argentina) e David Evenchick (Canadá). Atualmente é professora da Escola de Música Tio Zequinha e violoncelista da Orquestra de Câmara do Theatro São Pedro (OCTSP). Paralelamente, faz participações como convidada em diversas orquestras e grupos de câmara no estado, além de fazer parte da Camerata Ontoarte Recanto Maestro, com a qual já se apresentou na Europa e em diversas capitais brasileiras.

Carla Pacheco é bacharel em Violoncelo pela Universidade Federal de Santa Maria. Participou de masterclasses com os professores Maria Alice Brandão (BR), Robert Jesselson (EUA), Anatoli Krastev (Bulgária), Karen Buranskas (EUA), David Starkweather (EUA), Romain Garioud (FR), entre outros. Integrou a Orquestra Sinfônica de Santa Maria entre 2005 e 2008 e a Orquestra da PUC/RS em 2009. Atualmente é integrante da Orquestra de Câmara do Theatro São Pedro (OCTSP) e da orquestra da ULBRA.

Monica Lima iniciou seus estudos de música aos nove anos de idade na Escola de Música Tio Zequinha, em Porto Alegre. Em 2005, obteve o Título Profissional de Violoncelo pelo Conservatório de Música de Irún, na Espanh. Em Londres, iniciou a capacitação pelo Método Suzuki no British Suzuki Institute. Desde então, vem capacitando-se continuamente pelo Método Suzuki com os professores David Evenchick e Tanya Carey em São Paulo, Lima-Peru e Chicago-USA. Foi professora convidada em festivais de música em Porto Alegre, Ivoti, Teutônia, São Paulo e Brasília. É autora do livro e CD Musicalização, trabalho em parceria com as professoras Maria Elena Gallicchio e Juleandra Lima que, no ano de 2013, foi indicado ao Prêmio Açorianos de Música na categoria “Melhor CD Infantil”. Paralelamente à intensa atividade pedagógica, tem tocado e gravado para diferentes grupos no Brasil e exterior, como a Orquestra de Mantra Rudráksha (Brasil), Felipe Azevedo (Brasil), Grupo Poesia y Flamenco (Espanha), Damien Katkhuda (Inglaterra), Bianca Obino (Brasil) entre outros. Atualmente, é professora de violoncelo e musicalização na Escola de Música Tio Zequinha, além de violoncelista do grupo de teatro infantil Cuidado que Mancha.

Milene Aliverti é professora do departamento de música da UFRGS, principal violoncelo da Orquestra de Câmara Teatro São Pedro (OCTSP) além de coordenadora dos Encontros de Violoncelo do Rio Grande do Sul. Também atua como solista e camerista em diversas formações apresentando-se por todo o país e no exterior. Aperfeiçoou-se na Bulgária com o professor Anatoli Krastev e recebeu o título de mestre em violoncelo pela Universidade da Carolina do Sul nos Estados Unidos sob orientação do professor Robert Jeselsson. Juntamente com a pianista Lúcia Cervini é ganhadora de diversos prêmios e com ela gravou seu primeiro CD com o apoio da FAPESP.