Theatro São Pedro - Porto Alegre

Ospa dedica concerto à Festa Nacional da Espanha

Em parceria com a Embaixada da Espanha no Brasil, a orquestra realiza no dia 4 de outubro, terça-feira, às 20h30, apresentação com destaque para repertório espanhol. A regência é da maestrina Isabel Costes, e os solos, do pianista Eduardo Monteiro. O evento integra a Série Theatro São Pedro.

A Orquestra Sinfônica de Porto Alegre prepara uma noite espanhola para o público da Capital gaúcha. No dia 4 de outubro, terça-feira, às 20h30, os músicos interpretam programa dedicado à música da Espanha na ocasião da Festa Nacional do país. Promovido em parceria com a Embaixada da Espanha no Brasil, o concerto, parte da Série Theatro São Pedro, será regido pela maestrina Isabel Costes, diretora da Orquestra Sinfônica do Atlântico. O solista é Eduardo Monteiro, um dos grandes expoentes do piano no Brasil. Os ingressos custam entre R$ 10 e 40 e já estão à venda na bilheteria do Theatro São Pedro, o local do evento.

O concerto celebra o legado do compositor espanhol Enrique Granados (1867-1916), cujo centenário de morte é lembrado em 2016. A orquestra executa duas de suas obras: o Intermezzo da ópera “Goyescas”, inspirada na vida do pintor Francisco de Goya y Lucientes, e “Andaluza” (versão para orquestra de Joan Lamote de Grignon), peça da série “Danças espanholas”.

O programa contempla também a “Rapsódia Espanhola” de Maurice Ravel (1875- 1937), obra impressionista que, segundo a maestrina Isabel Costes, equilibra a elegância que habitualmente associamos “ao francês” e o caráter mais radical, mais “rústico”, ligado “ao espanhol”. Além desta peça, a música do famoso balé “El Sombrero de Tres Picos” (Suítes 1 e 2), de Manuel de Falla (1876-1946), ganhará destaque.

Para valorizar a relação cultural Espanha/Brasil, a Ospa traz a Porto Alegre o solista Eduardo Monteiro, professor e vice-diretor da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (USP) e diretor da Orquestra Sinfônica da instituição. Sob a regência espanhola, ele interpretará os solos de uma obra brasileira, o “Concertino para piano” de Ronaldo Miranda (1948-). “Trata-se de uma peça muito bem escrita para o instrumento, virtuosística e de grande efeito para o público. Sua linguagem é acessível e muito agradável, mesmo à primeira escuta”, comenta Monteiro.

Mais informações pelo site www.ospa.org.br ou pelo telefone (51) 32227387.

Isabel Costes (Regente | Espanha)
Diretora da Orquestra Sinfônica do Atlântico (Espanha) desde 2006, é uma das maestrinas espanholas mais reconhecidas do cenário musical. Vem regendo diversas orquestras e grupos na Europa e América e participando, também, de importantes festivais internacionais. Foi diretora titular das orquestras O.S.I.P., E. Granados, S. Gershwin, Jovem Gèrminans, Sinfônica do Conservatório de Lleida, Banda Sinfônica de Albalat de la Ribera, entre outras. Atuou como professora de regência em conservatórios e outras instituições. Foi diretora artística do Festival de música, dança e teatro Isla de La Palma e, hoje, dirige o Festival de Zarzuela e Música espanhola de La Palma. Isabel estudou regência e composição no Conservatório Superior de Valência e na Academia Chigiana de Siena (Itália). Licenciada em História da Arte, proporciona em seus projetos o encontro da música com as artes cênicas, plásticas e visuais. É integrante do Movimento Mulheres Regentes, iniciado no Brasil.

Eduardo Monteiro (solista/piano)
Grande Sala do Conservatório Tchaikovsky de Moscou, Philharmonie de Colônia, Gasteig de Munique, Sala Verdi de Milão, Liceo de Barcelona, Auditório Nacional de Madrid, National Concert Hall de Dublin, Opera House da Universidade de Houston e Jordan Hall de Boston. Foi solista de orquestras como as filarmônicas de São Petersburgo, de Moscou, de Munique e de Bremen; de Câmara de Viena; sinfônicas de Novosibirsky e Nacional da Irlanda e Orquestra da Rádio e Televisão Espanhola. Foi agraciado em concursos internacionais de piano como os de Colônia (Alemanha,1989), de Dublin (Irlanda, 1991) e de Santander (Espanha, 1992), e no prêmio Carlos Gomes (2004 e 2005). É professor e vice-diretor da Escola de Comunicações e Artes da USP e Diretor da Orquestra Sinfônica da USP (OSUSP).

A Ospa é uma das fundações vinculadas à Secretaria da Cultura do Governo do Rio Grande do Sul (Sedac/RS). Os concertos da temporada 2016 são patrocinados, via Lei Federal de Incentivo à Cultura, por Banrisul e Corsan. Apoio: Ipiranga. A realização é de Ospa, Fundação Cultural Pablo Komlós e Sedac/RS.

Concerto da Ospa | Série Theatro São Pedro
Concerto no centenário da morte do compositor espanhol Enrique Granados e da Festa Nacional da Espanha
Quando: 4 de outubro de 2016, terça-feira, às 20h30
Onde: Theatro São Pedro (Praça Mal. Deodoro, s/n – Centro, Porto Alegre)

Ingressos:
Valores: R$ 10 (galeria), R$ 20 (camarote lateral), R$ 30 (camarote central) e R$ 40 (plateia), com desconto de 50% para seniores, estudantes e titulares do cartão Clube do Assinante ZH
Horário da bilheteria: Os ingressos podem ser adquiridos na bilheteria do teatro, de segunda a sexta-feira, das 13h às 21h (quando não há espetáculos noturnos, das 13h às 18h30); nos sábados, das 15h às 21h, e domingos, das 15h às 18h

PROGRAMA
Maurice Ravel: Rapsódia Espanhola
Ronaldo Miranda: Concertino para piano
Enrique Granados: Intermezzo “Ópera Goyesca”
Manuel De Falla: El Sombrero de Tres Picos (Suítes 1 e 2)
Enrique Granados: Andaluza – Danças Espanholas

Regente: Isabel Costes (Espanha)
Solista: Eduardo Monteiro (Brasil | piano)

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA OSPA
Mariana Sirena – jornalista
Marília Lima – estagiária
Rua 24 de Outubro, 850/305
(51) 3222 7387